sábado, 1 de novembro de 2008

M... NA BEIRA MAR!

Alguem fez m... nas sinaleiras da avenida Beira Mar Norte, em Florianópolis. De uma hora pra outra, os tempos de sinal verde ficaram malucos, mudando rápido e causando engarrafamentos enormes.

Tadinho do florianopolitano e de quem nos visita: acha que vai encontrar trânsito mais calmo no final de semana e aí alguém, provavelmente de plantão na central de controle das sinaleiras (existe uma central de controle, pois não?), cochilou, esbarrou na alavanquinha e tirou tudo de sincronia. Uma bagunça.

E quanto tempo vão levar pra consertar? Ora, só segunda-feira é que o cara que entende daquela coisa volta ao serviço, né. E só na segunda é que vai dar pra mandar ofício pra Guarda Municipal, pra colocar uns guardinhas ali pra organizar o trânsito. Então, se tudo der certo e não queimar nenhuma sinaleira, como costuma acontecer nos finais de semana, lá por quarta-feira a coisa estará regularizada.

Ah, e quem for bem relacionado pode ligar direto pro LHS, que é ele que está cuidando dessas coisas, agora.

ATUALIZAÇÃO DO DOMINGO CHUVOSO

Surpreendentemente, o problema de ontem à tardinha já foi solucionado. O normal, quando ocorria alguma pane em alguma das inúmeras sinaleiras da avenida (ou da cidade) em finais de semana ou feriados, era que a coisa durasse até o primeiro dia útil. Mas desta vez, não. Ou o problema não era sério e assim que o cara de plantão acordou conseguiu resolver, ou a mudança do LHS pra Florianópolis já começou a fazer efeito.

7 comentários:

Ilton disse...

Mais uma comemoração aos cinco anos do apagão em Florianópolis...
Bom fim de semana.

marcia disse...

Oba! Vou inaugurar os comentários, só para deixar uma dica. A comunidade Santa catarina, no Orkut, que conheci hoje (para esquecer a chuvarada e a possibilidade de inundação...), está muito divertida nos tópicos referentes ao LHS, Amin etc. A galera, pelo jeito, não tem medo de ser processada. Bom, ao menos não é só o coitado do Lula que é maldosamente acusado de ser meio borracho...

Carlos disse...

O sistema de controle de semáforos funciona com um computador que recebe informações sobre o volume de tráfego e adequa o programa de tempos dos semáforos. A contagem de veículos é feita por meio de um laço sensor instalado sob o pavimento que manda a informação para o computador.
Diiiizem por aí que quando a prefeitura fez os remendos eleitorais no asfalto da Beira-Mar Norte, cortou esses laços e, sem a informação, o computador não faz a adequação dos tempos e a programação fica permanente, mudando de acordo com a hora e não de acordo com o volume de tráfego.
A conferir com o IPUF.

LesPaul disse...

'M' na Educação (nota de Cláudio Humberto, de hoje, apropriada ao Dia de Finados)

02/11/2008 | 00:00
Estados querem fim do piso para professores

Os governadores do Paraná, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Ceará ingressaram, no STF, com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade contra a lei que fixa piso salarial de R$ 950 aos professores. Além de considerarem o reajuste um “exagero”, alegam falta de orçamento para paga-lo. Os governadores de Roraima, São Paulo, Tocantins, Minas Gerais e Distrito Federal também apóiam a ação."

Anônimo disse...

Vai só dar uma espiada no´orkut pra ver o número de gente que aderiu à comunidade EU ODEIO O LHS. Uma loucura, e as notícias são atualizadas, com altas fofocas...rsss.

Anônimo disse...

Na realidade, fixar um piso nacional para o magistério, sem antes consultar os estados-membros acerca do limite de despesas com o pessoal estabelecida na LRF é complicado. A constitucionalidade desta medida é discutível por ferir, principalmente, a forma federativa de Estado vigente no Brasil.
Abraços.
PS: Com isso a popularidade do Lula sobe e a dos governantes que não conseguirem cumprir, por falta de espaço no orçamento, desce.

Anônimo disse...

Caro Cesar será que nosso governador anda sorrindo tanto , principalmente para o presidente da república por achar que a moça ..aquela...la de Blumenau..lembra?se afogou na enchente ?kkkkdesculpe eu não poderia deixar de comentar isso....perdão