quinta-feira, 4 de outubro de 2007

CULTURA À DERIVA

Num dia ficamos sabendo que o extraordinário Museu Nacional do Mar, em São Francisco do Sul, está sendo depredado e pode fechar definitivamente, porque o governo LHS/Benedet não tem grana pra oferecer uma segurança eficiente. E isso logo ali, ao lado da querida Joinville.

No dia seguinte, descobrimos que o Encontro Nacional dos Museus, marcado para julho de 2008 em Florianópolis, poderá ser levado para outro estado. Tudo porque o governo LHS/Knaesel quer porque quer que o evento seja em Joinville (ou em Orleans).

2 comentários:

mauricio disse...

Cesar.

Já há muito tempo estou inconformado com a questão da segurança em Santa Catarina.
Inclusive já me utilizei deste seu espaço no vasto mundo da Internet para expressar esta preocupação.

Não há dinheiro e efetivo para fornecer segurança ao importante Museu do Mar e para a população, no entanto, há dinheiro (e não deve ser pouco) para produzir um pífio programa de televisão para divulgações institucionais da PM.

Daí questiono. Quantos militares se envolvem na produção daquele programa? Quanto é gasto do orçamento da PM naquele projeto?

Frizo. O programa é de péssima qualidade. A oficial que faz as vezes de locutora (âncora?), mal sabe ler.

Outra situação que está mal explicada para mim, na polícia, é a enorme quantidade de batalhões especializados (tem de cães, de cavalos, de bairros e tantos outros).
Será que um enxugamento nesta estrutura administrativa não colocaria mais PMs nas ruas?

Abraços.

Anônimo disse...

Não sou PM, mas acho que, antes de qualquer coisa, deveriam afastar os comissionados e acabar com a festa na Polícia Civil/Secretaria de Segurança Pública. Aquilo sim é dinheiro público indo pro ralo.