terça-feira, 9 de outubro de 2007

AGORA VAI! COMEÇOU A FUNCIONAR A “LHS-CONSULT”

O COLEGIADO VIP VAI SE REUNIR AO VIVO UMA VEZ POR ANO
E A QUALQUER HORA NO MSN OU NO ORKUT

O governador LHS instalou, domingo, o tal Conselho Consultivo Superior do Governo do Estado (Consult) no Costão do Santinho (do amigo e também conselheiro, Dr. Marcondes). Vinculado ao Gabinete do Governador, o Consult “tem como objetivo gerar políticas de crescimento para Santa Catarina”.

Na reunião de trabalho da segunda-feira, a julgar pelas fotos (para ir para a página do governo onde estão as fotos, clique aqui), o figurão internacional Domenico De Masi e o presidente da Fiesc, empossados domingo, fizeram “forfait” (vai ver, tinham ido ao banheiro na hora da foto). E vários secretários de estado tomaram parte da reunião que acabou parecendo um encontro do colegiado (as secretarias regionais foram substituídas pelos VIPs).

“Queremos que os conselheiros contribuam com suas experiências, conhecimentos, inteligências para que possamos concretizar nosso objetivo, que é a construção de um Estado de qualidade”, afirmou Luiz Henrique. E os implicantes (eu inclusive) já começaram a falar mal.

Ora, todo governador e presidente conversa com figurões, ouve suas opiniões, chama de vez em quando um grupinho pra comer um churrasquinho e trocar uma idéia. Mas nenhum, ou poucos deles, dão a esta atividade simples e corriqueira, o caráter que LHS deu.

Teve até pastinha com o nome “Consult” impresso (ou seria bordado?), pruma reunião que, ficou-se sabendo depois, só acontecerá uma vez por ano. No resto do tempo, segundo contou o ex-comunista e recém-peemedebista Quirido, eles vão se comunicar pela Internet. Não é uma coisa impressionante?

FIGURÕES – Na foto acima, do domingo à noite, aparecem os primeiros conselheiros:

1. Raphael de Almeida Magalhães
Ex-secretário do Planejamento do governador Carlos Lacerda, foi vice-governador e governador em exercício do Rio de Janeiro e Ministro da Previdência.

2. Ruy Hülse
Foi diretor Cecrisa e da Cerâmica de Santa Catarina S.A (Cesaca). Também foi deputado federal por três legislaturas, presidente da Assembléia Legislativa por duas vezes e prefeito de Criciúma.

3. José Zeferino Pedroso
Presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc). Em janeiro deste ano, deixou a presidência da Cooperativa Central Oeste Catarinense (Coopercentral Aurora).

4. Jorge Bornhausen
Ex-governador e ministro-chefe da Casa Civil na gestão de Fernando Collor, também foi governador de Santa Catarina, senador e embaixador do Brasil em Portugal.

5. Antônio Britto
Eleito governador do Rio Grande do Sul em 1994, o jornalista gaúcho foi ministro da Previdência da gestão de Itamar Franco, deputado federal e presidente da Calçados Azaléia.

6. Germano Rigotto
Ex-governador do Rio Grande do Sul, foi deputado federal e relator da proposta de reforma tributária.

E a foto continua, abaixo.

7. LHS
Governador do Estado e autor da idéia

8. Fernando Marcondes de Mattos
Empresário dos setores hoteleiro e plástico. Na Grande Florianópolis, é um dos diretores da Inplac e do Costão do Santinho Resort.

9. Domênico De Masi
Sociólogo, professor de Sociologia do Trabalho da Universidade La Sapienza, de Roma, e diretor da S3 Studium, empresa especializada em ciências organizacionais. Autor de vários livros, entre eles O Futuro do Trabalho.

10. Alfredo Felipe da Luz Sobrinho
Ex-secretário do Planejamento e da Fazenda. É diretor de Relações Institucionais e Jurídico da Sadia.

11. Alcides Abreu
Doutor em Direito pela Universidade de Paris, teve participação decisiva na criação do Besc e da Udesc. Tem 17 livros publicados.


12. Alcântaro Corrêa
Presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina.

13. Glauco Corte
Faz parte da diretoria da Cerâmica Portobello e é primeiro-vice-presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina.

14. João Paulo Freitas
Presidente da Indústria Cerâmica de Criciúma (Cecrisa), e presidente da Associação Catarinense de Vinhos Finos de Altitude (Acavitis) e dono da vinícola Vila Francioni, de São Joaquim.

15. Lírio Parisotto
É presidente da Videolar, a maior empresa brasileira de soluções integradas e serviços para as indústrias cinematográfica e fonográfica. Atua também no setor de resinas plásticas (poliestireno), atendendo os setores eletroeletrônico, plástico, descartáveis e alimentos.

16. Udo Döhler
Empresário do setor têxtil e cônsul honorário da Alemanha em Santa Catarina, é diretor do Hospital Dona Helena, de Joinville.

E TEM MAIS


Além destes, que apareceram para a festa do domingo, a lista do LHS ainda tem outros nomes, tão ou mais impressionantes:


Albert Fishlow
Professor de Economia e Diretor do Centro de Estudos Brasileiros da Universidade de Colúmbia (Nova Iorque)

Décio Silva
Presidente da WEG

Ignacy Sachs
Economista polonês, naturalizado francês, é co-diretor do centro de pesquisas sobre o Brasil contemporâneo na escola de altos estudos em ciências sociais de Paris.

Jorge Gerdau Johannpeter
Presidente do Grupo Gerdau

José Bonifácio Sobrinho (o Boni)
Ex-diretor da rede Globo, responsável pela criação do “padrão Globo”.

Júlio Moura
Florianopolitano, Presidente do GrupoNueva, Presidente do Conselho da Masisa S.A. e da diretoria da Amanco. Vice-presidente do Comitê Executivo do Conselho Mundial Empresarial para o Desenvolvimento Sustentável.

Lucas Mendes
Jornalista sediado em Nova Iorque, ex-correspondente da Rede Globo, âncora do programa Manhattan Connection.

Nelson Piquet
Ex-piloto de corrida, tri-campeão mundial de Fórmula 1. Empresário.

ADENDO DA MADRUGADA – Se eu fosse um jornalista sério, ligava pro Ilson, diretor da Secretaria de Comunicação e perguntaria: essa gente chique toda está ganhando alguma coisa, algum jeton? Quem pagou hospedagem e passagens? As atas das reuniões, se é que haverão, serão públicas? Eles poderão também criticar o que virem sendo feito errado?

Mas, como sou só um palpiteiro sem compromisso, vou desligar este troço, colocar uma música e ler um livro. Ou ver um filme. Até amanhã.

13 comentários:

Anônimo disse...

Não tem pra ninguém. É o governo mais brega do Brasil.

Bruxinha Nova... disse...

E o Tucano ficou/virou uma Arara. Não é que esqueceram de convidar o o vice-governador Leonel Pavan para o "Cocosugo"? Penas vão voar...Viva a tríplice-aliança.....

Guilherme disse...

Vou ser curto e grosso a respeito do assunto: absolutamente patético e ridículo. Tribunal de contas neles.

Anônimo disse...

Reunião do "Clube dos Gourmets"?

mauricio disse...

Cesar.

Não sei, mas cada vez mais sinto-me vivendo na Idade Média, numa daquelas aldeias que ficavam instaladas junto às paredes externas dos castelos.
Lá dentro do castelo festas, bebidas, luxo, tudo obtido com o trabalho (impostos) do povo.

Na aldeiazinha, fome, falta de segurança, miséria, doenças e, de vez em quando, uma chuva de excrementos jogados do alto da torre.

Será que o Lucas Mendes, o Boni ou o Gerdau sabem que fazem parte deste Conselho?

Se sabem, será que irão participar? Estudar Santa Catarina, viajar pelo interior do Estado para conhecer como vive o colono e quais são as suas dificuldades e necessidades?

Os problemas reais não são resolvidos.

Quanta senilidade.

Anônimo disse...

O porta-voz (lembram?) Antônio Britto não se reelegeu no RS; Germano Rigotto sequer chegou ao segundo turno.

Anônimo disse...

Cesar,

Gostaria de saber a impressão do Nelson Piquet sobre esse colendo.

Ele, Piquet, com seu indefectível amargor e sinceridade, deve estar rubro de vergonha com tamanha estupidez.

O Jorge mesmo, gostaria de saber mesmo sua opinião sobre tamanha, estupida e brega reunião.

Nào TC neles não, é cadeia mesmo.

Acho até que o LHS faz de sacanagem.

Anônimo disse...

Bem, depois da filiação do Dário Berger ao PMDB ter sido feita nas dependências da Secretaria de Desenvolvimento Regional de São José...

Anônimo disse...

Notou a agua mineral servida na tal reunião ?
Será que não é possivel prestigiar a industria catarinense ?
Será que não existe fonte de agua mineral em Sta Catarina ?
Um abraço

Anônimo disse...

O Vieirao quando secretário da fazenda nao permitia a compra de agua mineral que não fosse catarinense.

Anônimo disse...

Em "se é que haverão", troca-se o verbo por "haverá". É esquisito, mas é o correto. "Haverá reuniões", assim como "houve reuniões".

Anônimo disse...

"De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto.

Rui Barbosa
(Senado Federal, RJ, Obras Completas, Rui Barbosa. v. 41, t. 3, 1914, p. 86)"

Anônimo disse...

A idéia é: o Grupo Gestor governa e o Consult dá idéias pro Grupo gestor. Assim sobra mais tempo pro Dom LHS viajar. Gente, vcs não entenderam o espírito da coisa.